6 Indicadores Financeiros para começar a medir resultados

Tem dificuldades em saber se seu negócio está indo bem? Ou em entender se seu lucro é compatível com suas despesas e seus gastos? Muitos empresários vivem com essas dúvidas. Contudo, elas são sanadas com o conhecimento de indicadores financeiros.

Essa imagem mostra um gráfico de linha para correlacionar com os Indicadores Financeiros

Mas o que são Indicadores Financeiros?

Os Indicadores Financeiros são métricas que auxiliam o empreendedor a entender os números da sua empresa. Assim como, fornecer segurança para uma análise do financeiro ao longo do período de tempo desejado. Seja esse período: dias, meses, trimestres ou anos.

Da mesma forma, um exemplo prático seria o ROI, indicador que analisa se o investimento teve um retorno ou não.  Dito isso, podemos imaginar um Consultor de Marketing que visa fazer um investimento em certa plataforma de anúncios. Entretanto, depois do primeiro mês investindo-o se pergunta: Valeu a pena? A resposta dessa pergunta se dará utilizando o cálculo do ROI.

Cálculo do ROI

Qual a importância dos Indicadores Financeiros na minha Empresa?

Os Indicadores permitem que você, dono de um negócio, consiga, entre outros, identificar problemas, definir prioridades, medir esforços e metrificar resultados.

Assim, isso acontece, pois os indicadores permitem a geração de dados confiáveis. Dados que auxiliam tomadas de decisão, planejamentos táticos e estratégicos a respeito da empresa. Como por exemplo, você está pensando se vale a pena fazer um investimento para o próximo mês. Entretanto, é necessário se perguntar: Vai ter retorno o meu investimento? (ROI) Vou ter dinheiro suficiente para investir? (Fluxo de Caixa)

Sem uma base de dados concretos, dificilmente conseguiremos respondê-las. Caso contrário, estará fundamentando decisões da empresa em achismos e suposições.

Antes de tudo, parece difícil conseguir implementar tudo isso na empresa, porém existem diversas formas de agilizar isso. Entre elas, ferramentas de gestão financeira, consultorias pagas e softwares online.

Quais Ferramentas que podem me ajudar?

Para conseguirmos realmente manter constância nas atualizações dos Indicadores Financeiros da nossa empresa, recomenda-se o uso de certas ferramentas de Gestão Financeira. Entre elas, o Fluxo de Caixa para entender o fluxo de dinheiro que existe na sua empresa. O Custeio, para entender se o preço do seu produto é compatível com os custos e despesas da sua empresa. E por fim, o DRE, para entender se as operações da sua empresa geram lucro ou prejuízo.

Dessa forma, juntando essas ferramentas de controle financeiro com o conhecimento de Indicadores, você consegue analisar estrategicamente o fluxo de dinheiro que passa pela sua empresa e gerar mais lucro. 

Em seguida, já que entendemos um pouco a respeito do que são os Indicadores Financeiros e sua importância, vamos conhecer os mais recomendados.

Gostaria de aplicar na sua Empresa, mas não tem o conhecimento técnico? Entre em contato com a Líder Jr. e fale com um consultor especialista.

6 indicadores Financeiros para sua Empresa

1. Lucro Bruto

Primeiro, falaremos do indicador Lucro Bruto. Todo empreendedor já ouviu falar da palavra lucro, pois é o que todos nós buscamos em nossas empresas. Porém, como calcula? E qual sua importância pra estratégia?

O cálculo de lucro bruto se da pela diferença entre a receita total e os custos diretos e indiretos relacionados à produção. Ou seja, é o faturado menos o custo para fazer o produto ou promover o serviço. Porém, existe também o Lucro Líquido. Vamos falar um pouco sobre ele?

2. Lucro Líquido

O Lucro Líquido, diferente do Bruto, mostra o rendimento real da empresa. O lucro é calculado fazendo a diferença entre a receita total e todas as despesas e custos da empresa. Esse resultado consegue guiar a empresa para analisar o quanto de lucro pode realmente ser reinvestido para inovação ou pode se dizer a quantia limpa da empresa.

3. Ponto de Equilíbrio

O ponto de Equilíbrio tem grande conexão com o lucro líquido, pois ele representa o momento em que o lucro líquido é zero. Portanto, é usado para que o empresário consiga calcular o quanto precisa vender para ficar sem prejuízo. Esse indicador se relaciona muito com a capacidade de guiar resultados e esforços que os indicadores financeiros têm. Principalmente, pois consegue expor um possível déficit da empresa.

4. Margem de Lucro

Esse indicador permite que você defina a porcentagem de lucro que quer ter em cima de cada produto e venda. Assim como, entender o que realmente sobra do preço cobrado pelos produtos e tomar decisões mais estratégicas.

5. ROI

Vamos entender um pouco melhor o ROI, o primeiro indicador citado na matéria. O ROI, chamado de return sobre investimento. Ele pode ser calculado com a fórmula abaixo.

Esse indicador é muito utilizado para conseguir analisar se um investimento faz ou não sentido, pois caso o ROI seja muito baixo você consegue fazer refletir sobre a importância e impacto do investimento nos seus resultados. 

6. Ticket Médio

Por fim, o ticket médio é o perco médio dos seus serviços. Ele permite que você analise se o preço médio dos seus serviços está coerente com a necessidade de fluxo de entrada monetário.

Assim, exemplo pratico seria caso você tem uma meta final para o ano e percebe que mantendo o ticket médio atual não conseguirá atingir ela. Dessa forma, torna-se necessário fazer uma revisão do preço dos seus serviços e alocar esforços seja em marketing, product development ou vendas para aumentar seu ticket médio.

Conclusão

Esperamos que consiga entender um pouco melhor de como medir resultados a partir dos Indicadores podem ajudar e otimizar sua empresa. Caso esteja com dúvidas de como implementar isso na sua empresa, invista em uma Consultoria Empresarial e agilize os seus processos. Caso queira somente um paço para se adiantar seu processo baixe nossa planilha de precificação de serviços: https://liderjr.com/planilha-de-custeio-do-produto/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.