Como definir o valor de mercado da minha empresa?

Imagem ilustrando uma pessoa utilizando uma calculadora para representar o cálculo do valor de uma empresa

Em algum momento da trajetória do seu negócio você já sentiu a necessidade de definir o valor de mercado da sua empresa?

Se sim, você deve percebeu que essa não é uma resposta muito simples e pode ser mais complexa do que aparenta ser.

Se você nunca se perguntou isso, em algum momento você ainda irá se fazer esse questionamento.

Qualquer que tenha sido a sua resposta, chegou a hora de você ter o conhecimento básico para mensurar o valor de mercado da sua empresa.

Qual a importância de mensurar o valor de mercado da sua empresa?

Em primeiro lugar, se você estava procurando sobre como definir o valor de mercado de seu negócio, você deve se encontrar em uma situação decisiva de sua empresa, certo?

Por exemplo, você pode estar buscando diminuir a sua participação na empresa, procurando se aposentar. Ou até mesmo quer empreender em alguma outra área, colocar a sua empresa a venda, encontrar um sócio.

Dessa forma, é extremamente importante definir o valor de mercado da sua empresa.

Isso porque, é uma forma de entender o posicionamento da empresa no mercado e não perder dinheiro se surgir a necessidade de venda do negócio.

Além disso, possuir maiores condições para negociar com um possível investidor. Ter a noção de qual o valor justo que um futuro sócio pode pagar para ter determinada parcela de participação na empresa.

Ademais, uma situação bem comum nas empresas atualmente é a necessidade de avaliar o que valoriza e o que desvaloriza a sua empresa. Assim é possível entender quais foram as decisões que deram certo e quais que prejudicaram a empresa.

Certo, mas qual cálculo utilizar para mensurá-lo? O Valuation!

Valuation é uma palavra inglesa que significa “avaliação de empresas” e se baseia no cálculo estimado de quanto vale uma empresa.

Assim, será levado em consideração contas que serão pagas, pagamentos que serão recebidos e investimentos em andamento.

Para fazer o Valuation, existem diversos métodos. Porém, o mais utilizado é o por Fluxo de Caixa Projeto. Esse método que dá à empresa, além do valor estimado do negócio, uma boa projeção da saúde financeira.

Consequentemente, os líderes poderão fazer uma análise e traçar estratégias para potencializar os resultados e contornar adversidades.

Algumas empresas necessitam de suporte financeiro para atingir determinado objetivo. Porém, não é nada fácil conseguir atrair stakeholders sem ter o que mais interessa a eles: o valor do investimento.

Métodos de Valuation para definir o valor de mercado de um empreendimento

A seguir serão apresentados alguns dos métodos de Valuation comumente utilizados pelas empresas para mensurar o valor de mercado da companhia.

Fluxo de Caixa Descontado (FCD)

Primeiramente, no método do Fluxo de Caixa Descontado, calcula-se o Valuation a partir do modelo de fluxo de caixa e possui projeções de lucro futuro. Além disso, aplica-se um desconto do risco vinculado ao investimento.

Ademais, esse método de se definir o valor de mercado de uma empresa calcula uma taxa. Essa responsável por corrigir o superávit (resultado positivo final) de uma forma proporcional ao longo do tempo.

Usando de no mínimo 5 anos e no máximo 10 anos de projeção, o FDC possui quatro benefícios. Demonstração de uma avaliação de caixa a médio prazo. Previsão do valor base em diversos cenários. Apresentação dos riscos. Realização de uma análise de sensibilidade.

Por fim, o Fluxo de Caixa Descontado, mesmo tendo várias vantagens, possui algumas desvantagens, como: alto custo de execução, esforço e tempo de trabalho.

Valuation de Liquidação

Dessa vez, o método de Valuation se resume em somar todos os ativos e subtrair todos os passivos.

Esse método tem esse nome pois ele é muito utilizado por empresas que estão prestes a fechar, por isso liquidação.

Além disso, no Valuation de Liquidação, os especialistas estimam um curto prazo para calcular por quanto os administradores podem vender o que sobrou do patrimônio da empresa.

Múltiplos de Mercado

Possibilitando uma avaliação por meio de uma comparação dos indicadores de empresas que trabalham em um determinado campo, o Valuation por Múltiplos de Mercado é bem fácil para aplicação, mas possui algumas deficiências.

Como por exemplo o fato de que é muito raro de se encontrar empresas que trabalhem no mesmo campo e ainda possuam um modelo de negócio muito similares. Além disso, essa forma de se definir o valor de mercado não analisa um momento específico da empresa e sim o período como um todo.

Valuation Contábil

No presente método, para o cálculo do Valuation apenas consideramos o patrimônio líquido da empresa, ou seja, a sua contabilidade.

Mesmo que utilizado por algumas empresas, esse método possui algumas falhas. Como a desconsideração dos bens intangíveis, como por exemplo, marcas e patentes.

Dessa forma, a metodologia, dependendo da situação, pode não exprimir o real valor da empresa.

Como fazer o Valuation e definir o valor de mercado de uma empresa?

Como já dito, o método de Valuation mais utilizado atualmente é o Fluxo de Caixa Descontado.

Dessa forma, vamos utilizá-lo neste passo a passo!

Cálculo do histórico do Fluxo de Caixa

O primeiro passo para se definir o valor de mercado de um negócio se consiste no cálculo do fluxo de caixa dos períodos anteriores. Criando, como diz o nome, um histórico.

Nessa etapa, apresenta-se, após os cálculos, o potencial de lucro da empresa.

– Projeção do Fluxo de Caixa

Assim, tendo como base os dados do passo anterior, chegou o momento de projetar as finanças para um prazo, como já foi dito, de no mínimo 5 anos e no máximo 10 anos.

Após isso, a próxima etapa é calcular a média das variações percentuais das despesas e das receitas em anos anteriores.

Cálculo da taxa de desconto

Antes de mais nada, para efetuar o cálculo da taxa de desconto é necessário levar em conta os riscos intrínsecos aos processos da empresa. E também, as demais oportunidades de investimento, para que gere interesse de um possível comprador.

Cálculo do valor presente do Fluxo de Caixa Projetado.

Por fim, chegou o momento de calcular o valor presente, utilizando os valores obtidos nas etapas anteriores, utilizando a seguinte fórmula:

FCD = FC1 / (1+r)¹ + FC2 / (1+r)² + FC3 / (1+r)³ …                                                      

Sendo o FCD a soma de todos os fluxos de caixa descontados futuros que a empresa irá produzir, FC o fluxo de caixa total em um determinado período de tempo.

Por exemplo, FC1 para o primeiro ano. Além disso, r é a taxa de desconto (percentual de lucro anual desejado para a empresa).

Pronto, agora você calculou o Valuation da sua empresa utilizando o método do Fluxo de Caixa Descontado.

Conclusão

Como você pode ter visto, o Valuation é uma área extensa de conhecimento. Ela pode, muitas vezes, ser bem complexa. Porém, fica claro que, dependendo do caso, é extremamente importante a sua execução.

Se interessou pelo tema e acha que vai ser muito bom para o futuro da sua empresa definir o seu valor de mercado? A Líder Jr. faz o serviço de Valuation para você! Clique aqui para conhecer melhor o nosso serviço.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.