Como o Layout da minha empresa pode aumentar as vendas

Layout estratégico
Tempo de leitura: 3 minutos

Você já se sentiu deslumbrado, desconfortável ou acolhido ao entrar em uma loja?  Tais sensações são muitas vezes causadas pela organização e disposição dos produtos e dos elementos daquele local. Essa combinação é chamada de Layout. Este tem papel fundamental nos negócios, pois afeta diretamente a imagem que o consumidor terá do estabelecimento e o deixa mais confortável e seguro para realizar suas compras.

 Assim, o Layout de uma loja torna-se tão importante quanto os produtos em si, é uma estratégia de vendas. O objetivo de se estabelecer o Layout é fazer com que os clientes entrem, permaneçam e consumam por meio de rearranjos organizados.  Para isso, é necessário seguir os seguintes passos:

1. Cause uma primeira impressão positiva pelo layout

 Uma das etapas nas quais os estabelecimentos mais perdem potenciais clientes é na hora de atraí-los para conhecer a loja. Para que não haja tamanha perda, é preciso despertar a curiosidade do comprador com um layout correto. Ainda, deve-se atentar ao bem-estar do consumidor em seu período de compras.

Mas como chamar a atenção do cliente?

 A curiosidade do consumidor pode ser provocada pela presença de vitrines e displays chamativos. Estes devem possuir cores de destaque, além de apresentarem os produtos de maior popularidade no mercado. No entanto, exageros são dispensáveis. É necessário manter um equilíbrio entre o chamativo e o agradável, para que o estabelecimento não passe uma imagem de desorganizado.

 Além disso, o consumidor pode se interessar por promoções. Desse modo, é aconselhável anunciá-las de forma sucinta e clara no layout, com uma fonte grande e em cores chamativas. Recomenda-se também trocá-las periodicamente, para que o consumidor não ache que tais ofertas são recorrentes no estabelecimento.

 Para proporcionar o bem-estar do cliente, deve-se atentar à temperatura, músicas, cheiros e iluminação do ambiente. Desse modo, ele passa a ficar mais à vontade e propenso a consumir mais.

Leia mais sobre como o layout certo pode alavancar o seu negócio

2. Exponha seus produtos de forma inteligente no layout

 Antes de estabelecer os locais nos quais os produtos serão alocados, deve-se levar em conta que existem dois tipos de compra: a compra planejada e a compra por impulso. Cada uma delas necessita de diferentes Layouts.

Compras planejadas

  • Necessita-se de um layout no qual o consumidor tenha facilidade em achar o produto desejado. É possível fazer isso com divisões claras, funcionais e organizadas, isto é, estabelecer setores e alocar os produtos seguindo uma lógica.
  • É importante também manter os produtos de maior destaque no campo de visão (entre a altura dos olhos e do tronco), para que novamente sejam facilmente encontrados. As lojas de departamento têm essa característica muito marcante. Nelas, as roupas são separadas em setor feminino e masculino, roupas básicas e roupas mais elegantes. Além de terem, também, espaços determinados para roupas íntimas, calçados e pijamas.

Compras por impulso

 São utilizadas algumas estratégias:

  • Propor um stand ou prateleira exclusiva na qual sejam alocadas as novidades. Tais produtos não entram nos planos de consumo do cliente, no entanto, se o stand ou prateleira forem atrativos e acessíveis. Estes elementos despertarão a atenção e serão comprados.
  • Alocar produtos pequenos e baratos perto dos caixas, onde são formadas as filas. Desse modo, enquanto o cliente espera ser atendido, ele se distrairá com os produtos à sua frente.
  • Colocar produtos complementares próximos um do outro. Assim, ao comprar o produto planejado, o cliente poderá se interessar pelo seu complementar e adquiri-lo também.
Exposição inteligente dos produtos

Leia também sobre o papel da gestão de estoques

3. Organize seu layout

 Antes de organizar seu espaço, é importante saber qual é o caminho percorrido pelo cliente desde sua entrada na loja. Além de saber quais são os pontos quentes (locais nos quais o cliente se dirige ao entrar no estabelecimento e onde há os produtos mais procurados) e os pontos frios (zona de produtos menos populares).

 Esses fatores devem ser levados em conta para alocar os produtos pois deve-se haver um equilíbrio entre os pontos frios e quentes, afim do cliente percorrer todo o estabelecimento e ter contato com todos os produtos disponíveis.

Estratégias para equilibrar os pontos frios e os pontos quentes pelo Layout

O caixa também deve ficar no fundo da loja, para que novamente o cliente passe por todos os produtos da loja e, consequentemente, se interessem por algum deles.

É indicado também que se use luzes claras no teto e se possível nas prateleiras, a fim de valorizar e destacar o produto.

 Uma outra estratégia muito utilizada para a maior venda da mercadoria é a chamada massificação de produtos específicos. Essa técnica consiste em repetir o mesmo produto em toda a extensão da loja. Isto é, colocá-lo em dois ou mais corredores para que, por meio da insistência em expor os produtos, o cliente acabe cedendo.

 Vale ressaltar que o espaço deve ser bem aproveitado, mas sempre lembrando que a organização é mais importante que alocar o máximo de produtos no espaço disponível!

Para conhecer mais sobre organização de Layout. Leia: Layout da West Guys

4. Fique atento ao estoque

 O estoque é uma parte muito importante para um estabelecimento. É nele em que se organiza os produtos que serão alocados na loja.Por esse motivo, deve-se ficar atento para sempre reabastecê-lo conforme o necessário.

 Os custos de manter muitos produtos no estoque é alto e por isso deve se estudar previamente a demanda dos produtos, de modo a não perder espaço útil e capital com produtos de pouca saída.

Leia também sobre o guia básico da previsão de demanda

 Além disso, os produtos nunca devem estar escassos. Prateleiras cheias e organizadas atraem o cliente e o induzem a comprar mais.

 Ao seguir essas dicas de layout, o estabelecimento passará uma melhor imagem ao consumidor, além de induzi-lo de forma inconsciente a consumir mais. Dessa forma, as vendas da loja aumentarão com apenas algumas mudanças simples no layout.

Leia também: A importância do Layout na lucratividade das empresas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.