Metodologia OKR: entenda como impulsionar as estratégias da sua empresa!

Tempo de leitura: 4 minutos.
Imagem de um alvo simbolizando as estratégias alcançadas com o OKR.

O que é a metodologia OKR?

OKR (Objectives and Key Results ou Objetivos e Resultados-Chave em português) é uma metodologia utilizada para definir metas, sejam elas coletivas ou individuais, de um setor inteiro ou de apenas um funcionário.

Essa metodologia se demonstrou tão efetiva ao passar dos anos, que as grandes empresas como Amazon, Twitter, LinkedIn e Microsoft acabaram adotando-a em seus negócios.

O método foi criado pelo CEO da Intel em 1970, para alcançar o objetivo de se tornarem líderes no mercado de processadores, e ganhou destaque ao ser utilizado pelo Google em 1999. A empresa, que era composta por cerca de 40 pessoas, conta com mais de 85 mil atualmente.

Isso mostra a efetividade que a utilização de OKR’s apresenta tanto nas pequenas empresas, quanto nas grandes corporações do mercado.

Dividimos a construção dos OKR’S em duas partes: 

Objetivos (O): declaração breve do rumo que a empresa deseja tomar nos próximos meses. Um bom objetivo tem que ser claro e impactante, para que as pessoas possam imaginar o quão importante será alcançá-lo.

Resultados-chave (KR): metas que impactam diretamente o objetivo caso seja alcançada com sucesso. O ideal é que sejam de 2 a 5, mais que isso faz com as metas não sejam lembradas facilmente, e queremos que os membros da equipe estejam constantemente pensando em atingi-las.

Quais as vantagens de utilizar a metodologia OKR na sua empresa?

Muitas vezes uma empresa se orgulha em dizer que mantem os funcionários sempre muito ativos, trabalhando e produzindo o tempo inteiro. Porém, se manter focado durante esse tempo todo é uma tarefa muito difícil, isso porque muito dessas vezes os funcionários não tem um objetivo bem traçado para o dia.

Os OKR’s são uma ótima forma de focar nos resultados e não no processo até a chegada deles. Ao utilizá-los, é possível mensurar e analisar os resultados, se tornando mais fácil saber se as horas trabalhadas estão sendo produtivas.

Além disso, ela é uma forma simples e ágil de motivar os membros de uma equipe a atingirem resultados. A simplicidade está justamente na sua construção rápida e objetiva, além de que elas são adaptáveis às suas necessidades, podendo ter um prazo de 6 meses ou até mesmo apenas 1 mês. 

A transparência é outro ponto forte. Todos os níveis de cargos têm acesso às OKR’s, dessa forma todos ficam alinhados e se sentem parte do processo de trabalho um dos outros, criando uma equipe mais unida e colaborativa.

Por fim, é essencial que as metas e objetivos sejam ambiciosos. É preciso ser desafiador e emocionante chegar aos resultados esperados. Se eles estão sendo alcançados facilmente, está na hora de dificultá-los. Dessa forma você verá sua empresa crescer constantemente. 

Como fazer um bom OKR?

É importante que eles funcionem como forma de alinhamento e comunicação da equipe, para que todos trabalhem juntos a fim de atingir o mesmo objetivo. O ideal é que toda equipe esteja envolvida na construção dos OKR’s, principalmente ao traçar os resultados-chaves, pois eles saberão quais são os números mais coerentes a se adotar. 

Os OKR’s devem ser feitos de tempos em tempos, sendo trimestralmente o prazo mais recomendado. É crucial acompanhar constantemente a evolução para saber se as metas estão sendo batidas. De nada adianta olhar no dia de sua criação e abandona-las depois.

Quando o período estabelecido chegar ao fim, as OKR’s devem ser reformuladas caso não tenham sido atingidas, e novos objetivos podem surgir conforme a necessidade. 

É importante ressaltar que a principal característica de um bom OKR é de ser mensurável e quantitativo. Além disso, os KR costumam iniciar com verbos no modo infinitivo.

Para facilitar a compreensão, darei um exemplo a seguir:

Objetivo: Obter receita recorde enquanto aumenta a lucratividade  

  • KR1: Obter receita trimestral superior a R$ 70 milhões. 
  • KR2: Aumentar a margem de lucro de 15% para 27% 
  • KR3: Entrar no mercado do Brasil e do Argentina.

Observa-se que o objetivo é sucinto e claro. Além disso, é necessário que os números e metas sejam desafiadores para que exijam esforços dos envolvidos, mas não impossíveis, pois isso pode desmotivar sua equipe.

Como os OKR’s vão ajudar a traçar novas estratégias para minha empresa?

Peças de xadrez demonstrando a acertividade nas estratégias.

Ao terminar de montar os OKR’s, ficará perceptível novas necessidades que precisam ser atendidas. Dessa forma, determine novas estratégias para atingir as metas e necessidades estabelecidas. Chamamos essas estratégias chamamos de plano de ação.

Para facilitar a compreensão, utilizarei o exemplo citado no tópico anterior e para falar de algumas possíveis estratégias que ajudarão a atingir os KR’s.

  •  KR1: utilizar indicadores financeiros para medir resultados, assim conseguindo saber se chegamos no valor estabelecido de 70 milhões.
  • KR2: pode-se aumentar o valor do produto final ou ir atrás de novos fornecedores de matéria prima que possuam um valor mais baixo que o atual fornecedor.
  • KR3: com uma pesquisa de mercado nos dois países podemos ver qual é mais vantajoso para se entrar primeiro e qual atende melhor o público alvo, além de permitir a adaptação da empresa para atender as demandas do mercado. 

Vale lembrar que as estratégias dependem muito da realidade de cada empresa, mas os OKR’s darão um norte a se seguir. 

Conclusão 

OKR é uma metodologia simples e eficiente de atingir objetivos, que envolve toda equipe e pode ser adaptável conforme a necessidade de quem o utiliza. Uma ótima ferramenta para rever as estratégias de uma empresa e modificá-las conforme for preciso.

Gostou do conteúdo? Leia também: Como fazer um planejamento estratégico no pós-crise.

Quer conhecer mais sobre a metodologia OKR nas grandes empresas? Acesse aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.